Você já ouviu falar da tecnologia RFID? Um sistema prático e eficiente de controle, a identificação por rádio já foi cara e de difícil implementação. Hoje, no entanto, é uma solução acessível para qualquer empresa que deseja incrementar a operação e aumentar a produtividade.

Ficou curioso para saber mais sobre essa tecnologia? Então, te contamos tudo o que você precisa saber sobre o assunto:

O que é RFID

A sigla Radio Frequency Identification, ou Identificação por Frequência de Rádio em português, é um termo amplo para definir qualquer sistema ou aparelho que utilize radiofrequência para capturar dados.

Geralmente, o RFID é composto por um dispositivo de identificação, como uma tag ou etiqueta eletrônica e um dispositivo identificador, que faz a verificação de credenciais ou transfere os dados coletados para o sistema. 

A grande vantagem sobre essa tecnologia sobre outros métodos de identificação é a capacidade maior de troca de dados entre aparelhos e a velocidade com que essa verificação é feita. O método é tão confiável e eficiente que empresas no mundo todo estão adotando o RFID de alguma forma.

Como o RFID é usado nas empresas

O primeiro uso do RFID comercialmente ainda é o mais comum em todo o varejo, além de ser uma forma simples de explicar como ele funciona: as etiquetas eletrônicas antifurto.

Você com certeza já viu essas tags, principalmente em lojas de roupas, que são tiradas das peças por um funcionário da empresa apenas mediante o pagamento no caixa.

Aquele é o dispositivo de identificação, uma peça de plástico com o chip programado dentro dele. Se qualquer pessoa tenta passar pelos identificadores que ficam alinhados na porta da loja, a antena capta a frequência e soa o alarme imediatamente — significa que alguém está tentando levar uma roupa sem pagar.

  Cupom Fiscal - Implantando o ECF no seu negócio

Este é só um dos exemplos de como o RFID pode ser usado para segurança, controle e otimização. Por automatizar a verificação sem precisar de muita interação ativa (como apontar o leitor para um código de barras), empresas utilizam a tecnologia também em sua produção, na logística, em estoques ou simplesmente para agilizar pequenas tarefas no ambiente de trabalho.

Quais são as vantagens de utilizar o RFID

Como essas características do RFID se integram nas empresas para aproveitarem ao máximo suas vantagens? Os benefícios que a tecnologia traz estão diretamente ligados ao tipo de uso que lhe é dado:

Simplificação de logística

É difícil encontrar hoje uma empresa que não utilize o RFID em sua logística. O uso de tags únicas de identificação e antenas instaladas estrategicamente ao longo das etapas de produção e distribuição garantem um acompanhamento de todo o processo de forma automatizada.

Os responsáveis pelo sistema podem, com alguns cliques, saber exatamente onde está cada peça e cada produto. No caso de negócios que envolvem entregas, o acompanhamento também pode gerar dados importantes sobre rotas e horários para otimizar custos.

Controle de estoque

Trabalha com estoque? Que tal não precisar mais verificar peças individualmente para manter um bom controle? O RFID permite uma verificação instantânea de vários itens e envia esses dados automaticamente para um sistema de controle.

Nesse caso, as tags ficam fixas e é o dispositivo identificador que varre toda a área para contagem de produtos e busca por discrepância de números, devido ao seu raio de ação (muito maior do que o leitor de código de barras tradicional, por exemplo).

Existem algumas restrições para seu uso, como a preocupação com obstáculos que causem falha de verificação (líquidos, metais e até o corpo humano podem bloquear o sinal), mas são problema de fácil solução quando atacados durante a implementação.

  Veja como a tecnologia pode ajudar a acelerar processos na sua empresa

Controle de pessoal

Assim como para controlar o estoque, o RFID é muito usado para fazer o controle de pessoal dentro das empresas. Você já passou em uma catraca eletrônica? Então com certeza já viu a tecnologia em funcionamento.

A identificação por rádio é eficiente não só como ponto eletrônico, mas pode auxiliar diversas funções do dia a dia que exigem verificação de credenciais para garantir que todos os funcionários estão fazendo o que deveriam estar fazendo e identificar, assim como a logística de produtos, como cada talento pode ser melhor aproveitado.

Aumento de produtividade

A integração entre o controle de pessoal e de estoque com o RFID gera otimização operacional e, consequentemente, um aumento de produtividade.

Muitas tarefas manuais de verificação passam a ser automatizadas, além de haver menos espaço para falha humana. O pequeno ganho em tempo para cada uma dessas tarefas vai se somando ao longo do dia e, no final, gera uma grande economia de horas que podem ser focadas em questões estratégicas e de inovação.

Segurança

A segurança é um ponto polêmico sobre o RFID, muito por histórias sobre a reprogramação clandestina de chips de identificação para o ganho de acesso às áreas ou dados restritos.

Mas a verdade é que esse tipo de ação criminosa é muito rara e fácil de ser identificada por um sistema bem gerido. Tanto que essa tecnologia é um dos sistemas de segurança mais utilizados no mundo todo.

O RFID gera chaves únicas de acesso, tanto para pessoas quanto produtos, agilizando protocolos de segurança, como são os casos da catraca e da roupa na loja, sem perder em confiabilidade.

Flexibilidade de uso

Uma das características mais interessantes do uso de RFID é que os chips de identificação podem ser reprogramados e reutilizados quantas vezes for necessário.

  6 top aplicativos para ler código QR no smartphone com Android e iPhone

Dessa forma, a empresa diminui os custos de aquisição constante de tecnologia e pode flexibilizar seu uso para atender diferentes processos operacionais dependendo da demanda, seja ela pontual ou permanente.

Todos essas características terminam convergindo para um grande benefício geral: o RFID é uma tecnologia confiável que aumenta a produtividade ao mesmo tempo que reduz custos operacionais.

Portanto, se você tem problemas de controle e segurança dentro da sua empresa, talvez essa seja a solução para resolvê-los. Basta criar um bom plano de implementação e encontrar o fornecedor ideal.

E aí, gostou de aprender mais sobre a tecnologia RFID? Então assine agora a nossa newsletter e receba muito mais artigos como esse diretamente no seu e-mail!

Carregar Mais Posts Relacionados
Carregar Mais Em Automação
Comentários estão fechados.